Boletim de Serviço Eletrônico em 18/03/2021

Ministério da Educação

​​UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

UTFPR - CAMPUS PONTA GROSSA
DIRETORIA GERAL - CÂMPUS PONTA GROSSA
DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO - CÂMPUS PONTA GROSSA
PROGR.DE POS-GRAD. EM ENGEN. DE PRODUCAO

resolução PPGEP-PG nº 10/2021

  

Estabelece procedimentos para migração de aluno especial para regular e créditos máximos permitidos em disciplinas para aluno especial.

O COLEGIADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO do Câmpus Ponta Grossa da UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ, doravante denominado PPGEP, no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo art. 4º do Regulamento da Pós-Graduação Stricto Sensu da UTFPR, aprovado pela deliberação nº 07/2016 de 30 de junho de 2016, do CONSELHO UNIVERSITÁRIO da UTFPR (COUNI), e pelo Art. 23º do Regulamento Interno do PPGEP, aprovado pela Resolução 54/2021 do CONSELHO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UTFPR, de 11 de fevereiro de 2021; e CONSIDERANDO o artigo 34º, § 3º do Regulamento da Pós-Graduação Stricto Sensu da UTFPR (Deliberação COUNI 07/2016); CONSIDERANDO o artigo 30º, §2 e §3 do Regulamento do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção (PPGEP), aprovado pela resolução COPPG/UTFPR Nº 54, de 11 de fevereiro de 2021;  CONSIDERANDO a necessidade de regulamentar o procedimento para migração de aluno especial para regular e créditos máximos permitidos em disciplinas como aluno especial; CONSIDERANDO a deliberação tomada em sua Reunião nº 03/2021, de 12 de março de 2021,

 

RESOLVE:

 

Artigo 1º O aluno especial poderá cursar até 15 créditos em disciplinas por semestre letivo no Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.

Artigo 2º O aluno classificado como especial deverá, em até 12 meses após a matrícula, solicitar sua migração para aluno regular no Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.

Artigo 3º O aluno especial deverá possuir Coeficiente de Rendimento (CR) igual ou superior a 7 (sete) para solicitar a migração de aluno especial para regular no PPGEP-PG.

Artigo 4º A solicitação deverá ser encaminhada ao Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção que avaliará os seguintes quesitos:

a) Requerimento, com deferimento do orientador, solicitando a migração de aluno especial para regular;

b) Relatório fundamentado sobre as atividades realizadas no período e sobre o desempenho acadêmico nas disciplinas cursadas;

c) Projeto de dissertação.

Artigo 5º Caberá ao Coordenador emitir parecer favorável ou desfavorável a solicitação de migração de aluno especial em regular.

Parágrafo único. A matrícula, como aluno regular, deverá ser implementada, via Sistema Acadêmico da Pós-Graduação, pela secretaria do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, em até 30 dias após a aprovação da solicitação.

Artigo 6° - Os casos omissos a esta Resolução serão resolvidos pelo Colegiado do Programa de Pós-Graduação Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.

Artigo 7°- Essa Resolução entra em vigor a partir da data de sua publicação.

 

Ponta Grossa, 18 de março de 2021.

 

 

CASSIANO MORO PIEKARSKI

Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção

Universidade Tecnológica Federal do Paraná

Câmpus Ponta Grossa

 

 

 

<<Resolução aprovada e registrada na ata 03.2021 de reunião do colegiado do PPGEP realizada em 12 de março de 2021>>

 


logotipo

Documento assinado eletronicamente por (Document electronically signed by) CASSIANO MORO PIEKARSKI, COORDENADOR(A) DE CURSO/PROGRAMA, em (at) 18/03/2021, às 15:53, conforme horário oficial de Brasília (according to official Brasilia-Brazil time), com fundamento no (with legal based on) art. 6º, § 1º, do Decreto nº 8.539, de 8 de outubro de 2015.


QRCode Assinatura

A autenticidade deste documento pode ser conferida no site (The authenticity of this document can be checked on the website) https://sei.utfpr.edu.br/sei/controlador_externo.php?acao=documento_conferir&id_orgao_acesso_externo=0, informando o código verificador (informing the verification code) 1945056 e o código CRC (and the CRC code) CC43D4E5.



 


Referência: Processo nº 23064.035592/2020-93 SEI nº 1945056